*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*UM POUCO DE MIM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*



NOME: Ana Lúcia
ANIVERSÁRIO: 23 de Janeiro
NATURALIDADE: Potiguar de corpo, alma e coração...
O QUE FAÇO: Sou professora

QUEM SOU EU: É interessante como as pessoas querem saber de nós: quem somos, o que fazemos, de onde viemos, para onde vamos... Somos de certa forma, o tempo todo, participantes dos "BBs" da vida. Aqui não me preocuparei com originalidade e sim com transparência, caráter e sinceridade, itens que são muito importância para mim. Sou mãe, mulher, menina, amiga, amante e companheira... Forjada "em aço" pela vida, sem no entanto me deixar endurecer, sensível, determinada, tranquila, estressada, sincera e guerreira, luto por tudo que quero. Sou simplesmente alguém que busca viver em harmonia com Deus e com quem me rodeia e desta forma, ser e fazer o outro feliz!

EU AMO: Deus, a vida, minha família, meus filhos, minha cidade, anjos, meus amigos, poesia, meu trabalho, ler, escrever (meu passatempo preferido), ouvir música, ver bons filmes, o Palmeiras (rs) e etc.

EU ODEIO: Falsidade, hipocrisia, injustiça, traição, fofoca, mentira e outras coisinhas mais.


O QUE LEIO, OUÇO e VEJO: Tudo que estiver ao alcance da mão e do tempo disponível, indo da bíblia até os classificados de jornais. Paulo Coelho, Paulo Freire e Augusto Cure são alguns escritores preferidos; Ouço MPB, românticas, internacionais, italianas, francesas e latinas, seria injustiça citar alguém; Vejo filmes épicos (adoro, talvez por ser professora de História) comédias, romances, aventuras, dramas, noticiários, documentários, etc.
UM PENSAMENTO: Se eu fosse deixar algum presente a você, deixaria aceso o sentimento de amor à vida dos seres humanos; a consciência de aprender tudo o que foi ensinado pelo tempo afora. Lembraria os erros que foram cometidos para que não mais se repetissem; a capacidade de escolher novos rumos. Deixaria para você, se pudesse, o respeito àquilo que é indispensável: além do pão, o trabalho. Além do trabalho, a ação. E quando tudo mais faltasse, um segredo: o de buscar, no seu interior, a resposta e a força para encontrar a saída.(GANDHI)


*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*E-MAIL *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


ana-fascinius@bol.com.br

fasciniusangels@bol.com.br


*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MÚSICA *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*



Anne Murray - You Needed Me

Clique no stop se quiser parar a música.


*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*LEVE MEU AWARD *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*



*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*VISITE TAMBÉM *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*





*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MIMOS PARA VOCÊ *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*






Selo 1.000 visitas



Selo 2.000 visitas




Mimo de Natal




Reinauguração




Selo 3.000 visitas




Mimo de Páscoa




*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*EU VISITO *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


UOL - O melhor conteúdo

BOL - E-mail grátis

Toc de Amor

Desbragado Amor

Mundo Místico da Nadjinha

Borboleta Kaká

Suavidad

O Livro dos Dias

Cinthia Duim

Fantasia

Notibras

Suavidad

Amizades e Flores

Lua em Poemas

Bog da Lumma

Delírios de um poeta

Um Pedacinho de Cacau

Shalom - Evanir

Fonte de Amor

Lúcia Imagens

Jesus, Minha Fortaleza!

Caminhos de Luz

Casal de Lobos

Love do Click

Sonhos Secretos

Almas Poéticas

Doce Sedução

Fathy Dreams

Amigo Leal

O amor Sempre Vence

Divulgando Sites

Magia Gifs

Meu Canto, Meu Encanto

Essencialmente Feminina

Stylos - Cida

A Minha Lua

Unidas Pelo Amor

tina Venturini

Soxikibem

tony Gifs

O Dificil Prazer de Ensinar

Ensinando e Aprendendo Com a Tia Rose

Recanto dos Blogues

Lonely Midis



 



*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MIMOS RECEBIDOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*
























*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*CAMPANHAS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*



*Símbolo da Paz*
Está aqui desde 30/04/2008




Ah, o amor!

Ah, o amor!...
Amor que enriquece
E empobrece...
Amor que contrasta
E desastra...
Ah, amor que ama
E desama...
Amor que trai
E distrai...
Amor que faz sorrir
E chorar...
Amor que faz falar
E faz calar...
Amor que dá a vida
E que mata... e que cura
Amor que alegra
E entristece...
Amor que promove a Paz
E que em seu nome se faz a guerra...
Amor que vicia
E que extasia...
Ah, os contrastes do amor...
E ainda assim...
Ainda que machuque... que fira...
Vale a pena amar!
(Ana Lúcia)





*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*VOTAÇÃO *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


Dê Nota Para Meu Blog





*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*PADRINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*




Madrinhas


Pepita - Fascinação


Mendi - Almas Poéticas


Roberto de Lucca - Alma Guerreira



*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*FAÇO PARTE *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*







"Fascinius Angels"

FAZ PARTE DO

"CLUBE DA MELHOR IDADE"












"FASCINIUS ANGELS"

FAZ PARTE DO

"CLUBE DA MELHOR IDADE"










 Links & Sites



*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*INDIQUE *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


Indique Esse Blog


*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*PRÊMIOS RECEBIDOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*
























*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*ARQUIVO *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


01/12/2009 a 31/12/2009

01/11/2009 a 30/11/2009

01/10/2009 a 31/10/2009

01/07/2009 a 31/07/2009

01/06/2009 a 30/06/2009

01/04/2009 a 30/04/2009

01/03/2009 a 31/03/2009

01/02/2009 a 28/02/2009

01/01/2009 a 31/01/2009

01/11/2008 a 30/11/2008

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*CALENDÁRIO *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*







*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*FUI/SOU DESTAQUE *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*









* Destaques Maio/2008 *





Blog Destaque do Magia Gifs!



Destaque Jun/08



DESTAQUE EM 2009



destaque_neinha





*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*DEIXE UM RECADO *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*







*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*VISITANTES *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*CRÉDITOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*




*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*GANHEI ESTA SEMANA *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


destaque_neinha







Jesus e Papai Noel

Papai Noel mora no Polo Norte...
Jesus, em todo lugar...

...Papai Noel anda num trenó...
Jesus voa no vento e anda sobre as águas.

Papai Noel vem somente uma vez ao ano.
Jesus está sempre presente.

Papai Noel enche nossas meias com presentes...
Jesus supre todas as nossas necessidades.

Papai Noel desce pela chaminé sem ser convidado...
Jesus fica na nossa porta, bate e entra em nosso coração.

Nós temos que esperar numa fila para ver Papai Noel...
Jesus já está próximo quando se menciona Seu nome.

Papai Noel nos deixa sentar no seu colo...
Jesus nos deixa descansar em Seus braços.

Papai Noel não sabe nosso nome,
tudo o que ele pode dizer é:
"Olá garotinho ou garotinha, qual é o seu nome"?...
Jesus sabia nosso nome antes mesmo de nós o sabermos.
Ele sabe não só o nosso nome,
Ele conhece nossa história e futuro e ainda
Conhece nosso coração e
quantos fios de cabelo temos em nossa cabeça.

Papai Noel tem uma barriga que balança como gelatina...
Jesus tem um coração cheio de amor, graças,
misericórdia e perdão.

Tudo que Papai Noel pode oferecer é:"HO, HO, HO"...
Jesus diz: "Deixe que eu resolvo seus problemas".

Os ajudantes de Papai Noel fazem brinquedos...
Jesus faz vida nova, consola nosso coração aflito,
repara lares destruídos e constrói esperanças.

Papai Noel pode fazer-nos um agrado mas...
Jesus nos dá alegria com Sua força.

Enquanto Papai Noel coloca presentes sob nossa árvore...
Jesus tornou-se nosso presente e
morreu na cruz por todos nós.

É claro que não há comparações.
Nós devemos lembrar "Quem é" o Natal, na verdade.

Devemos recolocar Cristo no Natal,
Jesus ainda é a razão da comemoração.

Jesus é o melhor,
Ele é melhor até mesmo que Papai Noel.

(D.A)

O selinho abaixo foi feito com carinho para você, leve-o com meus votos de um Santo e Abençoado Natal, regado a muito Amor, Paz, Alegrias, Fraternidade, Esperança e Luz!

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 00h27

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


Portas

Se você abre uma porta, você pode ou não entrar
em uma nova sala.
Você pode não entrar e ficar observando a vida.
Mas se você vence a dúvida, o temor, e entra,
dá um grande passo: nesta sala vive-se!
Mas, também, tem um preço...

São inúmeras outras portas que você descobre.
Às vezes curte-se mil e uma.
O grande segredo é saber quando e qual porta 
deve ser aberta.
A vida não é rigorosa, ela propicia erros e acertos.
Os erros podem ser transformados em acertos
quando com eles se aprende.

Não existe a segurança do acerto eterno.
A vida é generosa, a cada sala que se vive,
descobre-se tantas outras portas.
E a vida enriquece quem se arrisca 
a abrir novas portas.
Ela privilegia quem descobre seus segredos
e generosamente oferece afortunadas portas.

Mas a vida também pode ser dura e severa.
Se você não ultrapassar a porta,
terá sempre a mesma porta pela frente.
É a repetição perante a criação, é a monotonia
monocromática perante a multiplicidade das cores,
é a estagnação da vida...

Para a vida, as portas não são obstáculos
mas diferentes passagens!"

(Içami Tiba)

Retirado do Livro: Amor, Felicidade & Cia

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 03h52

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


O cavalo e a borboleta

Esta é a história de duas criaturas que viviam numa floresta distante, há muitos anos atrás.
Eram elas, um cavalinho e uma borboleta.
Na verdade, não tinham praticamente nada em comum, mas em certo momento de suas vidas se aproximaram e criaram um elo.
A borboleta era livre, voava por todos os cantos da floresta enfeitando a paisagem.
Já o cavalinho, tinha grandes limitações, não era bicho solto que pudesse viver entregue à natureza.
Nele, certa vez, foi colocado um cabresto por alguém que visitou a floresta e a partir daí sua liberdade foi cerceada.
A borboleta, no entanto, embora tivesse a amizade de muitos outros animais e a liberdade de voar por toda a floresta, gostava de fazer companhia ao cavalinho, agradava-lhe ficar ao seu lado e não era por pena, era por companheirismo, afeição, dedicação e carinho.
Assim, todos os dias, ia visitá-lo e lá chegando levava sempre um coice, depois então um sorriso.
Entre um e outro ela optava por esquecer o coice e guardar dentro do seu coração o sorriso.
Sempre o cavalinho insistia com a borboleta que lhe ajudasse a carregar o seu cabresto por causa do seu enorme peso.
Ela, muito carinhosamente, tentava de todas as formas ajudá-lo, mas isso nem sempre era possível por ser ela uma criaturinha tão frágil.
Os anos se passaram e numa manhã de verão a borboleta não apareceu para visitar o seu companheiro.
Ele nem percebeu, preocupado que ainda estava em se livrar do cabresto.
E vieram outras manhãs e mais outras e outras, até que chegou o inverno e o cavalinho sentiu-se só e finalmente percebeu a ausência da borboleta.
Resolveu então sair do seu canto e procurar por ela.
Caminhou por toda a floresta a observar cada cantinho onde ela poderia ter se escondido e não a encontrou.
Cansado se deitou embaixo de uma árvore.
Logo em seguida um elefante se aproximou e lhe perguntou quem era ele e o que fazia por ali.
- Eu sou o cavalinho do cabresto e estou a procura de uma borboleta que sumiu.
- Ah, é você então o famoso cavalinho? - Famoso, eu? - É que eu tive uma grande amiga que me disse que também era sua amiga e falava muito bem de você.
Mas afinal, qual borboleta que você está procurando? - É uma borboleta colorida, alegre, que sobrevoa a floresta todos os dias visitando todos os animais amigos.
- Nossa, mas era justamente dela que eu estava falando.
Não ficou sabendo? Ela morreu e já faz muito tempo.
- Morreu? Como foi isso? - Dizem que ela conhecia, aqui na floresta, um cavalinho, assim como você e todos os dias quando ela ia visitá-lo, ele dava-lhe um coice.
Ela sempre voltava com marcas horríveis e todos perguntavam a ela quem havia feito aquilo, mas ela jamais contou a ninguém.
Insistíamos muito para saber quem era o autor daquela malvadeza e ela respondia que só ia falar das visitas boas que tinha feito naquela manhã e era aí que ela falava com a maior alegria de você.
Nesse momento o cavalinho já estava derramando muitas lágrimas de tristeza e de arrependimento.
- Não chore meu amigo, sei o quanto você deve estar sofrendo.
Ela sempre me disse que você era um grande amigo, mas entenda, foram tantos os coices que ela recebeu desse outro cavalinho, que ela acabou perdendo as asinhas, depois ficou muito doente, triste e sucumbiu e morreu.
- E ela não mandou me chamar nos seus últimos dias? - Não, todos os animais da floresta quiseram lhe avisar, mas ela disse o seguinte: "Não perturbem meu amigo com coisas pequenas, ele tem um grande problema que eu nunca pude ajudá-lo a resolver: Carrega no seu dorso um cabresto, então será cansativo demais pra ele vir até aqui."

(D.A)

Terminada essa história paremos para refletir: Quantas vezes em nossa vida e no dia a dia, temos sido o cavalo e quantas temos sido a borboleta?
Quantas vezes com as pessoas que nos relacionamos somos por vezes um e depois o outro? 
É sempre mais fácil e cômodo pensar em nós mesmos como a borboleta, que é boazinha e foi sacrificada. Nunca queremos ser o cavalo que, mesmo não sendo ruim foi insensível ao carinho e amor da borboleta e a matou por isso.
Não seria mais fácil sermos conscientes e receptivos ao amor, por mais singelo que seja, coisa que o cavalo não foi? Não seria mais louvável, em sendo nós a borboleta entender o momento ruim do cavalo e não insistir tanto ao ponto de ferir com o não entendimento de nosso amor e carinho?

Tenha um final de semana repleto de alegrias e paz, meu anjo!

E o Momentos de Amor estará completando um ano no ar, no próximo final de semana (dia 15/11), olha só... rs... Nos encontramos lá não é?!

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 14h16

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


PORQUE SOU UMA BRUXA

Sou uma bruxa porque Sempre que abro os olhos ao despertar, me emociono por mais um dia para viver, livre e comprometida com as coisas e as causas da Grande Mãe. Neste momento procuro refletir a respeito dos tantos dias que nos foram tirados, por inveja, injúria e cobiça e peço luzes e força a Deusa Mãe para o dia de hoje.

Sou uma bruxa porque ao abrir as janelas e respirar o ar da manhã, agradeço a Deusa pelo dom da vida, e celebro o pai ar pela sua presença em mim.

Sou uma bruxa porque, ao me alimentar, celebro aquele bendito alimento e bendigo todos aqueles que contribuíram com seu trabalho para que o mesmo chegasse à minha mesa.

Sou uma bruxa porque, sempre de alguma forma, renasce o amor em mim, e minha alma agradecida transmite luz.

Sou uma bruxa porque sempre me envolvo e me comprometo a serviço da justiça e da paz no mundo.

Sou uma bruxa porque estou sempre insistindo em abrir as portas do meu coração para transmitir os ensinamentos dos antigos e facilitar o despertar da grande arte nos corações dos que me cercam.

Sou uma bruxa porque estou sempre acendendo um fósforo sem maldizer a escuridão.

Sou uma bruxa porque busco a verdade sem jamais me conformar com a mentira e o subterfúgio.

Sou uma bruxa sempre que renuncio ao egoísmo e procuro ser generosa.

Sou uma bruxa quando sorrio para alguém, mesmo estando muito cansada, pois conheço o valor do sorriso.

Sou uma bruxa quando preparo um chá que vai curar, ou pelo menos amenizar a enxaqueca daquela vizinha chata.

Sou uma bruxa quando tomo um animal em meu colo para lhe amenizar a dor. Quando planto e colho uma erva e agradeço a Gaia por tamanha dádiva.

Sou uma bruxa quando persigo a luz de uma estrela com o olhar e o coração nas trevas que nos circundam. Quando levo a fé nos Deuses por entre linhas, apenas com minhas ações.

Sou uma bruxa quando em rijo, sinto o rio do sangue da vida que escoa nas minhas entranhas. Quando sou fogo que estimula o coito, e água que transforma e modifica cursos.

Sou uma bruxa porque me aconchego no seio sagrado da terra, voltando ao colo sagrado. Quando abro o circulo invocando os ventos do norte, buscando no canal dos antigos o néctar do renascer.

Sou uma bruxa porque, quando falo em liberdade, me sinto águia. Quando falo de sabedoria, me sinto coruja, e, quando falo do belo, me sinto arara.

Sou uma bruxa porque estou sempre atenta ao perfume, que não posso derramar no próximo sem que também me atinja e a lei tríplice se faz em mim.

Sou uma bruxa quando vivencio o sabor do pão partilhado. Quando procuro pedir perdão e recomeçar.

Sou uma bruxa quando me recolho ao silêncio perante um julgamento preconceituoso ou injusto a meu respeito, entrego ao tempo. Único polo óptico da verdade imutável.

Sou bruxa quando desenvolvo em meu ser a humildade de viver e morrer como o grão de trigo, para depois frutificar searas de luz, de tenacidade e esplendor.

Sou uma bruxa porque estou sempre ressurgindo das cinzas como Fênix. E assim, retomar a minha vivência concreta, cujo itinerário principal é a minha Deusa interior, forte, guerreira, translúcida, serena e amorosa a despertar em mim.

Por tudo isso, sou uma bruxa!"

[Autoria desconhecida]

Oi anjos,

Depois de algum tempo, volto a postar. Saudades dos meus anjos queridos e amigos! Peço desculpas aos amigos pela ausência, espero compreensão de vocês.

Beijos de luz e carinho em seus corações, seja de muita luz o seu final de semana e principalmente, que no dia das bruxas, o feitiço vire contra o feiticeiro... rs

 

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 10h33

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


Curativos para um coração quebrado

(ouça - Smile)

“Hoje, acordei sentindo uma grande dor no peito”;
Sentei-me ao pé da cama, coloquei minha mão sobre meu peito, e perguntei ao meu coração:
- O que você tem? Porque está tão inquieto dentro de mim? Você está doente?
Fiquei uns minutos em silêncio e aí foi minha alma a começar a ficar inquieta...
Perguntei a ela...
- O que tens?
Porque se atormenta dentro de mim?
Minha alma disse:
- Estou assim porque você está assim; Você me faz perguntas, mas não tenho as respostas e sei que isso o faz infeliz... Você se sente tão pequeno, e isso me faz pequeno também... Você queria ser diferente e eu fico triste por você...
Você está tão só, e eu me sinto sem você...
Mais uma vez tornei a ficar em silêncio...
E foi aí que meu coração meio confuso me respondeu:
- Estou tão triste... Sinto-me tão pequeno... Estou magoado com você!
Fiquei sem jeito e perguntei:
- O que foi que eu te fiz?
Ele respondeu:
- Você sofre tanto com as pessoas; preocupa-se com elas, é atencioso, procura ser prestativo e na maioria das vezes, sempre se decepciona... Você ama e depois sofre e fala que a culpa é minha... Você espera por algo que não vem e fica triste... Aí você chora e dói em mim...
Preciso de curativos para um coração partido... Curativos bons.
Perguntei ao meu coração:
- Como assim, bons?
Ele respondeu:
- Curativos que estanquem essa sua tristeza, essa sua mágoa, essa sua solidão... Que estejam com você nos dias frios e nas noites vazias, nos dias de tempestade e nas horas que você se sentir tão só...
Que eles sejam tão grandes que possam envolver seu corpo em um abraço cheio de ternura e que você se sinta seguro e amparado...
Curativos que te façam sentir o quanto você é especial e amado, mesmo que você nunca tenha sentido esse amor, nem de seus próprios pais...
Preciso de bons curativos, que não sejam eternos, afinal nada é para sempre, mas, que não sejam descartáveis...
Curativos que absorvam esse sofrimento, essa dor... Essa ferida que não se vê, apenas se sente...
Que sejam fortes, e a prova d’água, para que não se estraguem com suas lágrimas, que sejam macios, para poder te fazer carinho nos dias em que você se sentir carente...
Curativos que, acima de tudo nunca o decepcionem, prometendo coisas que não cumpram...
Curativos companheiros e sinceros, que se importem realmente com você...
Não quero pena, quero amor... Amor de verdade.
Preciso que você também se ame e prometa que vai procurar cuidar mais de mim, sou parte de você e se você sofre eu sofro também...
Queria poder colocar você dentro de mim, secar suas lágrimas, ninar você...
Dizer-te que tudo vai passar e te proteger das decepções da sua vida, afinal você já sofreu tanto que não sei como ainda consigo bater forte em seu peito!!!
Você é especial...
Pena...
Ninguém perceber isso!

(Desconheço Autoria)

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 00h10

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


Saudade


'Trancar o dedo numa porta dói.
Bater com o queixo no chão dói.
Torcer o tornozelo dói.
Um tapa, um soco, um pontapé, doem.
Dói bater a cabeça na quina da mesa,
dói morder a língua, dói cólica, cárie e pedra no rim.
Mas o que mais dói é a saudade.
Saudade de um irmão que mora longe.
Saudade de uma cachoeira da infância.
Saudade de um filho que estuda fora.
Saudade do gosto de uma fruta que não se encontra mais.
Saudade do pai que morreu,
do amigo imaginário que nunca existiu.
Saudade de uma cidade.
Saudade da gente mesmo, que o tempo não perdoa.
Doem essas saudades todas.
Mas a saudade mais dolorida, é a saudade de quem se ama.
Saudade da pele, do cheiro, dos beijos.
Saudade da presença, e até da ausência consentida.
Você podia ficar na sala e ela no quarto, sem se verem, mas sabiam-se lá.
Você podia ir para o dentista e ela para a faculdade, mas sabiam-se onde.
Você podia ficar o dia sem vê-la, ela o dia sem vê-lo, mas sabiam-se amanhã.
Contudo, quando o amor de um acaba, ou torna-se menor,
ao outro sobra uma saudade que ninguém sabe como deter.
Saudade é basicamente não saber.
Não saber mais se ela continua fungando num ambiente mais frio.
Não saber se ele continua sem fazer a barba por causa daquela alergia.
Não saber se ela ainda usa aquela saia.
Não saber se ele foi à consulta com o dermatologista, como prometeu.
Não saber se ela tem comido bem por causa daquela mania de estar sempre ocupada;
se ele tem assistido às aulas de inglês,
se aprendeu a entrar na Internet e encontrar a página do Diário Oficial;
se ela aprendeu a estacionar entre dois carros;
se ele continua preferindo Malzebier;
se ela continua preferindo coca-cola;
se ele continua sorrindo com aqueles olhinhos apertados;
se ela continua dançando daquele jeitinho enlouquecedor;
se ele continua cantando tão bem;
se ela continua adorando o MC Donald's;
se ele continua amando;
se ela continua a chorar até nas comédias.
Saudade é não saber mesmo!
Não saber o que fazer com os dias que ficaram mais compridos;
Não saber como encontrar tarefas que lhe cessem o pensamento;
Não saber como frear as lágrimas diante de uma música;
Não saber como vencer a dor de um silêncio que nada preenche.
Saudade é não querer saber se ela está com outro e ao mesmo tempo querer.
É não saber se ele está feliz, e ao mesmo tempo, perguntar a todos os amigos por isso...
É não querer saber se ele está mais magro, e se ela está mais bela.
Saudade é nunca mais saber de quem se ama, e ainda assim doer;
Saudade é isso que senti enquanto estive escrevendo
e o que você, provavelmente, está sentindo agora depois que acabou de ler...’
AI COMO DÓI SENTIR SAUDADES!!!!!

texto de: Miguel Falabella

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 20h01

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


Feliz Páscoa!

Páscoa é renascimento...
É passagem...
É mudança e transformação...
É ser novo um mesmo ser
Que recomeça pela própria libertação.
Fica para trás uma vida cheia de poeira
E começa agora um novo caminhar
Cheio de luz, de fortalecimento,
Esperanças renovadas,
E um arco-íris rasga o céu
E parece balbuciar que Jesus ressurgiu
para nos provar que o amor
incondicional existe, assim como a vida eterna.

Páscoa é ressurreição...
Do sorriso, da alegria de viver,
do amor, dos sonhos, da amizade, das lembranças.

É tempo de matar os piores defeitos que há em nós
e deixar ressuscitar as maiores virtudes,
sepultadas no íntimo de nossos corações.
FELIZ PÁSCOA, FELIZ RENOVAÇÃO!

O Selinho acima é dedicado aos amigos que aqui passam, com meus sinceros votos de uma FELIZ E ABENÇOADA PÁSCOA a todos! O endereço está na lateral. Beijos em seus corações, maravilhosa semana a todos!

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 20h42

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


OITO BONS PRESENTES QUE NÃO CUSTAM UM CENTAVO



O PRESENTE ESCUTAR...

Mas você deve realmente escutar. Sem interrupção, sem distração, sem planejar sua resposta. Apenas escutar.


O PRESENTE AFEIÇÃO...

Seja generoso com abraços, beijos, tapinhas nas costas e aperto de mãos. Deixe estas pequenas ações demonstrarem o amor que você tem por família e amigos.

O PRESENTE SORRISO...

Junte alguns desenhos. Compartilhe artigos e histórias engraçadas. Seu presente será dizer, "Eu adoro rir com você."


O PRESENTE BILHETINHO...

Pode ser um simples bilhete de "Muito obrigado por sua ajuda" ou um soneto completo. Um breve bilhete escrito à mão pode ser lembrado pelo resto da vida, e pode mesmo mudar uma vida.


O PRESENTE ELOGIO...

Um simples e sincero, "Você ficou muito bem de vermelho", "Você fez um super trabalho" ou "Que comida maravilhosa" faz o dia de alguém.


O PRESENTE FAVOR...

Todo dia, faça algo amável.



O PRESENTE SOLIDÃO...

Tem momentos em que nós não queremos nada mais do que ficar sozinhos. Seja sensível à esses momentos e dê o presente da solidão ao outro.


O PRESENTE DISPOSIÇÃO...

A maneira mais fácil de sentir-se bem é colocar-se à disposição de alguém, e isso não é difícil de ser feito.


(Desconheço Autoria)

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 11h09

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


Sou Mulher...

Sou mulher
E como tal, cheia de contradições
E também de emoções
Sou de fases, como a lua
Tenho a alma nua
Sou a delicadeza da flor
Dela também sou o espinho
Sou meiguice, sou carinho
Sou um gesto de amor
Entre lágrimas sou sorriso
Sou inferno e paraíso
Sou alegria em meio à tristeza
Sou forte em minha fraqueza
Sou tempestade e sou calmaria
Sou o encanto da magia
Sou fé e sou esperança
Sou adulto e sou criança
Sou sensibilidade e insensatez
Sou carícia e sou desejo
Sou a delicia de um beijo
Sou atrevida e ardente
Sou ousada e sou carente
Tenho as garras afiadas de uma loba
Sou esperta e sou boba
Sou guerreira
Aprendi a cruzar barreiras
Sou choro e sou canto
Sou riso e sou pranto
Sou rainha e sou criada
Sou o encanto de uma fada
Sou mulher, sou liberdade
Sou inocência e maldade
Sou sonhadora e sedutora
Mãe, amiga e companheira
Sou seriedade e brincadeira
Sou grito de paz incessante
Sou amada e sou amante
Sou ternura e sou brandura
Sou forjada em nobre aço
Mas amoleço com um abraço
Sou poesia
Sou a noite, sou o dia
Sou alimento
Sou inteira sentimentos
Sou o tudo e sou o nada
Sou simplesmente... MULHER!

(by Anna Lúcia)

Parabéns a você MULHER, por este dia, por todas as conquistas. Se quiser o selinho, pode copiar e levar com vc, com todo meu carinho!

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 02h53

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


Amar

Eu quero amar, Amar perdidamente!
Amar só por amar: Aqui...além...
Mais Este e Aquele o outro e toda a gente...
Amar! Amar! E não amar ninguém!

Recordar? Indiferente!...
Prender ou desprender? É mal? É bem?
Quem disser que se pode amar alguém
durante a vida inteira é porque mente!

Há uma primavera em cada vida:
É preciso cantá-la assim florida,
Pois se Deus nos deu voz, foi pra cantar!

E se um dia hei-de ser pó, cinza e nada
Que seja a minha noite uma alvorada,
Que me saiba perder...Pra me encontrar...

(Florbela Espanca)

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 17h13

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


Sem Você...

Sem você ...
O dia perde o brilho...
A noite se torna uma agonia
A tristeza bate forte, cheia de dor.
As lágrimas rolam pela face
Nada consegue deter a dor
O turbilhão que tenho no peito
A cada momento gritando
A dor é como um animal ferido
É algo que não tem como explicar
É doer ...
doer... a dor de não ter você
Sinta a saudade te chamar
Ela chora baixinho...
Pede por você...
Quer ter você aqui
Sem pensar no amanhã
Só viver o hoje
Hoje é ter você aqui comigo

(by Ana Cristina)

 

FASCINIUS É DESTAQUE!

Oi meu anjo!

SEM VOCÊ, é um poema lindo, de uma amiga querida, um dos presentes que a net me deu... Resolvi postar aqui, espero que gostem. Obrigada tata, pela oportunidade de conhecer sua alma poética, que é tão linda quanto a alma irmã/amiga.  

Ah, tem mais novidade. E não é que ganhamos mais um Destaque?! Desta vez, da queridíssima amiga Neinha, do site Templates Neinha, que está vindo com mais novidades por ai.  Neinha, obrigada anjo, seu site está cada dia mais lindo, vale a pena ser visitado. Beijos, obrigada pela alegria que me proporcionou.

Beijos em seus corações, tenha uma semana de alegrias, paz e muito amor.

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 11h10

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


Preciso...

 

Preciso ser abraçada

Pela paciência talvez

E esperar a ventania passar

Ventania que beira a tempestade

Envolve-me num redemoinho

Teima em me arrastar

Para onde não sei...

Sei que não devo nem quero ir

Não posso assim me entregar

Lutar, vencer, reagir

E toda melancolia afastar

Preciso contra ela lutar

Preencher o vazio em mim

Deixado pela saudade

Falta-me motivação...

Preciso não me deixar levar

(by Anna Lúcia)

Sou Destaque

Olhem só que alegria. Depois da reinauguração do Fascinius, este é nosso primeiro destaque!! Obrigada a amiga Deusa, do blog Anjo Sedutor, por ter-me proporcionado esta alegria. Aliás, cliquem no selinho destaque e vejam que sedutoramente lindo o espaço dela, vale a pena conhecer.

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 12h00

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


Reforma Ortográfica

Recebi o texto abaixo de uma amiga do orkut, gostei do mesmo, por nos trazer algo de proveitoso não apenas com relação a nossa lingua escrita, mas também no que refere-se a alguns valores humanos, tão esquecidos atualmente. Por isso resolvi postar aqui, mesmo desconhecendo a autoria do mesmo.

2009 é o ano da reforma ortográfica.
Em casos como AUTOESTIMA o hífen cai.
A sua é que não pode cair.
Em algumas palavras, o acento desaparece, como em FEIURA.
Aliás, poderia desaparecer a palavra toda.
O acento também cai em IDEIA, só que dela a gente precisa.
E muito.
O trema sumiu em todas as palavras, como em INCONSEQUENCIA, que também poderia sumir do mapa.
Assim, a gente ia viver com mais TRAQUILIDADE.
Mas nem tudo vai mudar.
ABRAÇO continua igual.
E quanto mais apertado, melhor.
AMIZADE ainda é com “Z”, como vizinho, futebolzinho, barzinho.
Expressões como “Eu Te Amo”. continuam precisando de ponto. Se for de exclamação é PAIXÃO, que continua com “X” como ABACAXI,
que gostando ou não, a gente vai ter alguns para descascar.
SOLITÁRIO ainda tem acento, como SOLIDÁRIO, que só muda uma letra, mas faz uma enorme diferença.
CONSCIÊNCIA ainda é com SC, como SANTA CATARINA, que precisa tocar a vida pra frente.
E por falar VIDA, bom, essa muda o tempo todo, e é por isso que emociona tanto.

(D. A.)

 

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 13h22

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


Oração do Deprimido

Senhor!
Se esta dor é o quinhão que me compete, faz com que eu possa suportá-la, abraçando amorosamente essa estranha cruz.

Quando eu estiver em crise, conforta meu coração...

Quando mãos de aço invisíveis apertarem minha garganta, vem em meu auxílio e me concede a dádiva de lágrimas libertadoras...

Quando a escuridão se fizer presente e de breu se travestir minha vida, que haja uma réstia de luz, esperança e consolação, brilhando no fundo do poço...

Quando tudo tiver perdido o sentido e eu me encontrar prostrado e abatido, desejando apenas morrer, que um anjo Teu venha me falar de vida, de novas oportunidades e de melhores circunstâncias.

Quando a aridez for tanta,  que eu me torne incapaz de dar um sorriso para quem que seja, eleva-me à majestade do Teu Reino e banha-me nas águas de Tua redenção benfazeja...

Quando eu estiver paralisado de terror face aos monstros incompreensíveis do pânico, da culpa, da letargia, da fobia, do isolamento, do ódio auto-direcionado, faz-me lembrar de imediato que o Teu amor se coloca acima de todos esses algozes ilusórios, filhos do meu transitório desequilíbrio, e que eu possa nessa hora abandonar-me em Ti, na mais irrestrita confiança.

Permita-me, Senhor,
que esta dor não me coloque à margem da vida.
Antes, que eu aprenda com ela e que dela, eu seja capaz de arrancar o me aprimoramento...

Quando Senhor, a dor se agigantar de tal sorte, que estando eu vivo, eu estampe a própria morte,
com os pensamentos e sentimentos sem convulsão, incapacitado de balbuciar a mais simples oração,
assume nesta hora o comando da minha “embarcação”...

E, se um dia Senhor, eu porventura estiver curado e reabilitado, livra-me de me tornar esquecido.

Que possa eu amorosamente abrir meu coração, estender as minhas mãos
e ir ao encontro dos meus outros irmãos deprimidos.

(D. A.)

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 16h42

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*


Insônia

(Un Dia Sin Ti)


Noite insone que se arrasta
Pensamentos desordenados
Escuros e nublados
Prenúncio de tempestade?
Sem sono nem alegria...
Sem motivo aparente
Nada me deixa contente
Virando-me na cama
Um mar de melancolia
Não consegui gritar
Nem devia
Não consegui chorar
Não queria
Como sou emotiva
E por vezes impulsiva
Deu-me uma vontade imensa de beber
Mas... embrigar-me para quê?
Isso não vai apagar o que sinto
Com qualquer coisa me ressinto
De novo me recalquei
Quieta e muda fiquei
Aqui...
Num canto de solidão
Tentando controlar o medo
Que invadiu-me tão cedo
E me aperta o coração...
Ah! Agora sei porque estou assim
Você está longe de mim
E o medo de te perder
Me assusta muito, sim
Então peço, volte correndo
Antes que eu acabe morrendo
De saudade de você...

(by Anna Lúcia)

::Postado por ¸,.-~*´¨¯ Ånä ¯¨`*·~-.¸ às 17h45

*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*MEUS RECADINHOS *...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*